9 de janeiro de 2012

Grande

Eu quero saber de gente grande!
Quero saber de gente que sabe o que é paixão e que sabe o que é mudar planos;
Quero saber de gente que se submete ao amadurecimento, nem que seja forçado, esfregado na cara pela vida, mas que entende o recado.
Vejam, em vendilhões do tempo, Jesus desce o cacete em quem não entende.
Quero saber de gente que entende!
De gente que sabe que sofrer faz parte da vida, que mansidão tem limite e paciência também.
Gente que sabe que tudo pode ser uma droga dependendo da dosagem.
Que sabe respeitar e que não brinca com emoções. 
Que sabe o que é esperar o tempo.
Eu quero saber de gente que sabe o que é esperar!
Quero saber de sentar no meio-fio, esperando ônibus sozinha, num sábado à noite, desacreditada num ser humano pequeno que se esconde atrás de bíblia, vídeo-game e autoajuda barata, pra receber o carinho de um amigo pra ver o sol nascer avermelhado refletindo no mar...
Eu quero é saber de gente que sabe o que é ser grande. 
Gente que sabe valorizar cada presente da vida.



3 comentários:

O Cercadinho disse...

Oi,
Fazia tempo que não entrava no nosso blog, e quando entrou, me deu paulada. Beleza. Faz parte. rsrsrs.
Beijos pra ti, querida.
Wanderlei
www.o-cercadinho.blogspot.com

POBRE MEU BLOG disse...

Muito bom. Como sempre. Beijo.

Seadini disse...

... E eu adoro esses tapas na cara que doem mais na alma.

:)